Resenha: Dengeki Daisy

“Fique careca, Kurosaki”

Teru Kurebayashi é uma colegial de 16 anos com uma forte e divertida personalidade que tira sempre as melhores notas da classe e se esforça para continuar no colégio onde é bolsista.

Teru vivia sozinha com seu irmão mais velho que veio a falecer, mas não sem antes designar um guardião para ela. Usando o celular que ganhou do irmão, Teru fala com o doce e amado Daisy, um grande amigo do irmão falecido que cuida de tudo que ela precisa e com quem conversa diariamente através de mensagens.

A estranha vida de Teru segue bem, até que ela se mete em uma confusão e termina se tornando escrava do zelador com cara de delinquente da escola, Tasuku Kurosaki. Dizer que Tasuku gosta de torturar a pobre Teru seria eufemismo, mas por trás dessa maldade sempre existem momentos em que ele mostra seu carinho pela garota.

Boatos sobre Daisy ser um hacker perigoso e malvado e sobre seu envolvimento com a jovem começam a circular pela escola chegando até os ouvidos de pessoas perigosas e assustadoras.

Tasuku Kurosaki pode ser assustador, grosseiro e malvado, porém, se torna o grande aliado de Teru na aventura em que ela acaba de entrar.

“Nesse mundo, o que eu mais temo é ela. E nesse mundo, eu a quero mais do que qualquer um”

Minha Opinião: Sabe o que é amor por uma obra? É o que eu senti na primeira página desse mangá, me apaixonei.

A autora Motomi Kyousuke gosta muito de escrever comédias românticas com personagens fortes e engraçadas, essa obra não foi exceção.

Teru é meio boba, mas sempre alegre e buscando fazer todos ao seu redor sorrir. O jeito atrapalhado da garota é o motivo de muitas cenas de humor e seu maior charme.

Kurosaki faz o tipo de delinquente juvenil que envelheceu, mas mantém sua alma rebelde. Muitas vezes ele age como irmão malvado e outras como o irmão mais velho protetor. É difícil não gostar dele já que consegue arrancar suspiros e risadas até mesmo quando está tentando deixar o leitor irritado.

Daisy é o sonho de toda garota: sensível, fofo, carinhoso e gentil. Ele cuida da Teru de forma anônima, sem pedir nada em troca e sem abusar da confiança que a jovem deposita nela. Os príncipes da Disney perdem para esse doce personagem.

Esse mangá traz romance e comédia nas medidas certas, mesclando em determinados momentos com mistério e até um pouco de suspense. Não é cansativo de ler, tampouco entediante.

Recomendo a leitura para todos que gostam de histórias fofas e bem-humoradas onde o mocinho parece um vilão.

INFORMAÇÕES SOBRE O MANGÁ:

Autora:  Motomi Kyousuke (gosta muito de usar pseudônimos em suas obras)

Ano: 2007-2014

Número de Volumes: 16

Não foi lançado no Brasil. O Redisu Fansub está traduzindo, leitura online disponível no UnionMangas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s